Publicado em Leitura

Sobre o afeto.

“Quer-se ser amado, na falta disso admirado, na falta disso receado, na falta disso detestado e desprezado. Quer-se proporcionar às pessoas alguma espécie de sensação. A alma se agita diante do vazio e deseja um contato a qualquer custo.”

In Doutor Glas, do poeta sueco HJALMAR SÖDERBERG

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s